terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Na estrada

Oi gente, tudo bem? 

O que tá acontecendo que vocês sumiram daqui? quer dizer, sempre tem gente passando aqui, mas os comentários heim?! Desapareceram!? hahahaha. Tô carente.

Então, minhas férias acabaram (faz tempo já) e eu fiquei mais tempo viajando do que em casa, o que foi ótimo, pois não tinha férias há dois anos, tudo devido à reforma e ao mestrado. Pois bem, resolvemos que estava na hora de aproveitar! E aproveitamos mesmo!
Além da semana que passamos na ilha que já contei, passamos outros 10 dias numa viagem de carro, posso dizer? adoro road trips. Já tínhamos feito uma pro sul e agora resolvemos ir pro sudeste. A nossa ideia de road trip é a seguinte: resolvemos ir pra algum destino, desta vez foi Paraty/RJ e daí vamos parando em lugares pelo caminho e olhando no mapa o que tem de legal pra fazer na região. Assim, nesta viagem conhecemos, além de Paraty e Trindade que ficam no sul do estado do Rio, quase todo o litoral de São Paulo. Por lá paramos em São Sebastião, São Vicente, Iguape e Cananeia com direito à Ilha do Cardoso. Só não gostei muito de São Vicente, porque esperávamos mais da primeira cidade do Brasil que não tem nada de histórica (as vantagens de viajar com um historiador). O resto foi muito bom conhecer. 
Agora vocês falam: 'mas que rico esse povo pra passar tanto tempo viajando' e eu digo: 'que nada'. A gente praticamente só ficou em camping, uma noite num hotel e uma noite dormimos numa casinha de boneca! É tipo um camping, mas ao invés de precisar de barraca já tem as casinhas montadas pra você dormir, legal né?!
Este post nem ia ser sobre a viagem, mas agora que me empolguei em contar acho que é legal mostrar umas fotos pra vocês né?
Gente, eu adoro viajar e por sorte o Fernando também. A gente só não ficou mais na estrada por causa da Karenina, pois minha cunhada e minha sobrinha estavam cuidando dela, aí não quisemos abusar.
Pra constar, nestas viagens a gente não faz reserva de nada. Quando tem paramos em um posto de informações turísticas e pedimos indicações e dicas do que fazer, conversamos com moradores e outros turistas e assim fazemos nosso itinerário.
Na ida resolvemos que iríamos direto para Paraty e depois decidiríamos o que fazer. Então pegamos a BR 116 e fomos. Fernando dirigiu um monte e quando eu peguei, um pouco depois entramos no Rodoanel de São Paulo, posso dizer que foi uma experiência interessante. 

Nosso GPS indicou para fazermos o caminho até um pouco depois de Aparecida e pegar sentido Cunha. Quando estávamos lá perto vimos no Guia 4rodas que a estrada entre Cunha e Paraty estava interditada, mas como nosso guia era de 2010 e não tinha mais nenhuma placa falando sobre isso na estrada resolvemos seguir, imaginando que tudo já estaria resolvido. Fomos, fomos, fomos e de repente a estrada ficou de terra mas no começo estava razoável, mas chegou num trecho que tava  bem complicada, mas continuamos, pois seria pior voltar. Tivemos que esperar num trecho que os carros não estavam conseguindo subir (por sorte estávamos descendo) e daí chegamos tarde em Paraty. Procuramos um lugar pra ficar, montamos acampamento e fomos conhecer a cidade, que diga-se de passagem é uma gracinha! 







A cidade histórica mais bonita. Fizemos muitos passeios, praias, cachoeiras, trilhas, construções históricas, tudo que adoramos!






Depois de 3 dias seguimos rumo a Trindade que fica bem no sul do estado, ainda pertence à cidade de Paraty mas fica a uns 25 km do centro.
As praias de Trindade são fantásticas, parece que a gente tá no Caribe de tão lindas. Iríamos ficar uns 3 dias e ficamos 5, pois não deu tempo de conhecer tudo. 

Praia do Sapo


Cahadaço


Praia do Sono



Praia Brava

Cachoeira da Praia Brava


Saímos de Trindade com dor no coração, mas sabíamos que ainda tinha coisa legal no caminho. Pegamos a BR 101 que passa pelo litoral.
Almoçamos em São Sebastião, que eu achei a cidade bem gracinha. Andamos um pouquinho por lá e seguimos viagem. 


Fomos até Guarujá, atravessamos de ferry boat pra Santos e paramos em São Vicente. Dormimos lá, de manhã conhecemos a cidade e seguimos nossa viagem.

Paramos almoçar em Iguape,

 uma belezinha de cidade, passeamos um pouco lá e fomos pra Cananeia. 
Lá que dormimos na casinha de boneca. 
 No outro dia cedo fizemos o passeio até a Ilha do Cardoso. Foi bem legal, muito botos (golfinhos) bem pertinho da gente, só tem em vídeo porque nas fotos não dava tempo de pegá-los, eles são bem rápidos.




Depois do almoço voltamos, ficamos um pouquinho em Cananeia e resolvemos que viríamos embora naquele mesmo dia, a saudade começou a apertar. Como era perto não teria problema, saímos de lá umas 17h e chegamos em casa antes das 21h. Cansados e felizes! E posso afirmar que valeu a pena, muito. São experiências muito marcantes e que nos fazem muito bem.

É claro que eu penso que ainda tinha muita coisa pra ser feita em casa, mas temos o ano inteiro pra fazer e férias só agora! 

AH! Como devem ter visto pelas fotos, todos os dias foram de céu azul, não choveu, fez muito calor e eu tô a cor do verão de tão morena! hahahaha sério, acho que nunca fiquei tão morena assim! =) E olha que eu não gosto de tomar sol.

Sei que o post tá enorme, mas é que era muita coisa pra contar, isso que eu ainda tentei super resumir! Se alguém tiver alguma dúvida e quiser mais informações sobre algum lugar eu vejo no que posso ajudar. Sim, porque este não é apenas um blog de decoração, é também de faça-você-mesmo e essa viagem segue essa filosofia!

É claro que as férias renderam algumas coisinhas para a casa como a estante do post anterior e estamos finalizando um armário de cozinha que acho que vai ficar demais! Em breve, aqui neste blog! hahaha
Fernando está terminando sua bancada e quando ela estiver pronta acho que teremos muitas novidades também. 

Então é isso, que todos vocês tenham um ótimo começo de ano! Beijão.

P.S. As fotos que postei foram tiradas por mim ou pelo Fernando e não tem nenhum tratamento ou filtro, é tudo de verdade!!!

12 comentários:

  1. Noooooossa, q ferias heim? q passeio maravilhosooo!!
    Amei as fotos, um lugar mais lindo que o outro hehehe
    beijosss

    http://meudoceamadocantinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daniele, obrigada.
      Realmente foi uma ótima viagem!
      Beijocas

      Excluir
  2. Nossa que legal um dia ainda faço isso rssss,lindas fotos e belos lugares ,bjs td de bom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só te digo uma coisa, vale muito a pena!
      Que bom que reapareceu por aqui.
      Bjão

      Excluir
  3. Que passeio fantástico !!
    Conheço Paraty, aliás do Rio para lá conheço todo o litoral , mas pro incrível que pareça nunca fui a Trindade, gosto tanto de Paraty que sempre me resumi a ficar na cidade , mas vou anotar as dicas e dá próxima vez vou lá ..E o que eu achava fantástico era escutar a história do pessoal que diziam que iam a São Vicente de bicicleta , se é verdade eu não sei , mas viajava com a história deles ..
    Bjkas!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mônica, eu adorei Paraty, mas certamente vale a pena dividir a sua visita com Trindade, são dois lugares especiais!
      Olha se vão mesmo de bicicleta é uma pedalada boa, porque tem umas subidas meio fortes! haha
      Bjão

      Excluir
  4. Ai que delícia!!!
    que coincidência, também fomos á paraty esse mês, adorei levei meu bb de 2 anos , foi maravilhoso, tem um post fresqueinho sobre isso lá no meu blog!
    bjuu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quase nos encontramos por lá então!? =) Vi o post lá, concordo que as pedras nas ruas são difíceis de andar.
      Bjinho

      Excluir
  5. muito bom! eu quero uma dica sobre a ilha do Cardoso quero muito ver os golfinhos rs!
    bjussss!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiane, vá mesmo porque é muito legal.
      Então, tem duas possibilidades, você pode ficar em Cananeia e fazer passeio de um dia em Cardoso (contrata ali na beira mar, tem várias pessoas vendendo) ou pode ficar lá em Cardoso mesmo, tem pousadinhas e campings. Da próxima vez que formos ficaremos na ilha. Só que lá é um parque estadual então para fazer alguns passeios você precisa contrata os condutores de lá. Pra ver os golfinhos não precisa, é só você ficar na praia que eles aparecem (dizem que é mais fácil de cedinho e no fim da tarde) é na baía que fica entre a ilha e Cananeia, se chama baía dos Golfinhos! Explicado né?!
      Se quiser saber mais alguma coisa fique a vontade pra perguntar, se eu souber terei maior prazer em ajudar! Beijocas flor

      Excluir
  6. Oiiii nossaaa que bacana!! Ficou super interessada em fazer um road trip, rsrs é assim que fala? rsrs
    Eu amooo viajar, e agora estou nessa fase de querer curtir a vida um pouquinho e deixar os gastos da casinha um pouco pra depois, rsrs já fui em Iguape e cananeia é lindo!! mas não tive tempo de passear para conhecer muitos lugares, foi aquele "bate e volta" sabe, rsrs e não tive o privilégio de ver golfinhos, é o animal marinho que mais amooo!!! morro de vontade de ver pessoalmente e nunca consegui ( vou pegar suas dicas no comentário acima)... a anos não vou para praia, esse ano vou me inspirar em vcs, já avisei o maridão que ele vai ter que fazer um esforcinho para me acompanhar, ele até gosta de viajar sabe, mas não gosta muito de ficar rodando por ai, rsrs mas tenho certeza que ele vai gostar da idéia!! só não sei com quem deixar nosso sansão, rsrs ele não é lá de muitos amigos sabe? e os outros tem medo só de olhar pra ele, rsrs

    Bjos Parabéns pela viajem, lindas as fotos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andressa vá mesmo porque é a melhor coisa. A gente se estressa muito com reforma e construção e precisamos aproveitar um pouco tb!
      se vc gosta de golfinhos vai amar o passeio!
      sobre o dog é complicado mesmo, mas se não achar ninguém disposto tem uns hotelzinhos de cachorro, se não traz ele aqui pra mim! Hahahaha duro que a Karenina não é de muitos amigos com outros cachorros.
      bjao

      Excluir

E aí?