terça-feira, 1 de outubro de 2013

Presente meu e como fazer cavaletes

Passando pra contar que estou igual criança com brinquedo novo. Marido (de novo!) me deu um super presente, uma máquina de costura de verdade, verdadeira. Porque a minha antiga era pequenina e não dava pra fazer muita coisa, só tecidos finos. E agora vamos lá, se preparem para muitos posts sobre costura! Já adianto que o primeiro será a cortina do quarto que preciso urgentemente fazer.

Mas antes das costuras era necessário ter um espaço minimamente adequado para poder costurar. E foi aí que surgiu a ideia desta mesa.
A mesa, nada mais é do que uma porta e dois cavaletes. Totalmente reutilizada, gastando quase nada. Explicando: a porta era do quarto antigo (do andar de baixo) e como lá agora será uma sala de jantar, não terá mais porta e será integrado com a sala de estar e a cozinha. Eu mesma desparafusei e lixei a porta, tirei as dobradiças e a maçaneta.
Pausa: Fernando resolveu que seu novo hobby seria marcenaria. Aí comprou várias ferramentas, fora as que ele já tinha e está terminando sua bancada para começar a fazer móveis, u-hu!
Quando falei que queria fazer a mesa com cavaletes e que vi uns cavaletes bem podrinhos, de pinus que aparentemente não aguentavam nada por mais de R$30,00 ele disse: "Não se preocupe, eu faço pra você!" E eu: "Meu herói" hahahahaha Brincadeiras à parte, agora deixa eu te mostrar o processo do cavalete.

Primeiro escolhemos umas tábuas que sobraram da reforma. Passamos a enxada pra tirar o excesso de cimento e outras sujeiras. Depois marido usou uma espécie de escova de aço na furadeira e foi limpando bem. Então lixamos com aquele adaptador para lixas que coloca na furadeira também.



Aí foi a vez de cortar. Ele passou na serra circular de mesa, pois assim o corte fica bem certinho. Aí, já nas medidas eu lixei tudo novamente com a lixadeira treme-treme, assim tirei os cantinhos e dei o acabamento.
Eu acho que pra quem não tem ferramenta nenhuma vai ter muito mais trabalho, mas não é impossível lixar tudo na mão, só acho que o corte no serrote seja mais arriscado!  Entretanto, você pode ter em casa umas madeiras do tamanho que você precise, assim o trabalho já diminui bastante.
Continuando... (e se prepara porque o passo-a-passo é longo). Terminado isso, Fernando fez os encaixes. Mais uma pausa para explicar: marceneiro que é marceneiro faz tudo com encaixes, nada de apenas pregar as madeiras (eu acho exagerado, mas também não entendo quase nada). Tira o excesso com o formão. Passa cola e monta. Depois parafusa.

 

Fernando comprou um super jogo de formão também. Tem vários tamanhos e modelos. É bem divertido trabalhar com um formão. 
Como é mais difícil explicar tudo resolvi colocar um monte de fotos que são quase auto explicativas.   
Pra vocês entenderem melhor o esquema foi fazer duas travessas para cada cavalete. Depois de pronta colocamos as dobradiças e a correntinha entre essas duas partes. Aliás, as dobradiças e correntes foi o que precisamos comprar em lojas de ferragens. O resto tinha tudo em casa. 
Por baixo ainda colamos um tapetinho para não estragar o piso.






















Aí foi só levar pro lugar, armar e colocar a porta por cima. Fernando queria pintar os cavaletes igual a porta, mas eu achei que ficou legal assim cru.





Só pra adiantar já comecei a costurar ali e ficou super boa.

Algumas considerações: dá um trabalho razoável e faz bastante sujeira, pois o corte e lixar a madeira fazem uma poeira danada, além da serragem que vocês podem ver nas fotos. Mas não tem nada melhor do que a sensação de terminar um trabalho 'faça-você-mesmo' e poder dizer a frase tão especial pra quem segue essa filosofia: Fui eu que fiz! =) Também outro ponto positivo é que reutilizamos vários materiais e não gastamos quase nada. Pra quem se arriscar, boa sorte! 

Boa semana pessoas amigas.

14 comentários:

  1. Poxa vida, estou absolutamente impressionada com o talento de vcs!
    E não adianta dizer que é só seguir um procedimento porque isso ai demanda talento mesmo!
    Meus parabéns!
    Tb gostei mais com a base cru, acho que de um Q chic.
    No escritório da minha arquiteta tem algumas mesas assim com cavalete cru, acho lindo!
    Beijos

    http://minhacasaemvinhedo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que queria Ana, obrigada mesmo. Posso dizer que a gente se esforça! hahaha
      Bjoca

      Excluir
  2. Vai com fé, fiz todas as cortinas aqui de casa e economizei muiiito, marido aqui também é multi uso e quer a marcenaria como anti estrese depois de acabar a faculdade, parabéns para os dois é assim que se vai longe. bJÔ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Jô. Com maridos marceneiros quem ganha somos nós! hahaha
      Bjo

      Excluir
  3. Parabens pela maquina!!! cuando comprei a minha vc nao sabe a alegria q eu sentiii
    e hj nao tenho mto tempo para costurar com ela, mas tenho mtos projetinhos para a casa!
    Adorei a mesa, feita com a porta e os cavaletes ja savlei o link para fazer aqui em casa,
    vou mostrar para marido e ver se ele consegue fazer rsrsrs, pq è meio preguiçoso o homem.
    bjus
    seguindo-te!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu, obrigada.
      Mas sabe que aqui o marido tb enrola, tem q sempre dar uma cobrada! A sorte que agora ele está empolgado com a marcenaria e daí tudo que tem relação a isso ele agiliza.
      Bjoca

      Excluir
  4. Parabéns pela máquina nova, e ficou ótima sua mesa feita com a porta e os cavaletes, Parabéns!!

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigadão Andressa, agora espero que venham muitos trabalhos daquela mesa ali!
      Bjos

      Excluir
  5. Maíra, fiquei encantada com o talento de vcs,parabéns ficou linda sua mesa,e os cavaletes ao natural me agrada muito. Só quem faz um trabalho desse, sabe o valor que tem!!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Jane, o trabalho que dá não tá escrito, mas é tão bom quando tá pronto!
      Bjinho flor

      Excluir
  6. Adorei o cantinho da costura!! :)
    Vou aí costurar minha almofadinha!! Hehe!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem Carlinha, se precisar te ajudo, mas acho que vc consegue sozinha!
      Bjoca

      Excluir
  7. Ficou muito bom mesmo, e o melhor de tudo é quando se tem alguém pra ajudar, além de não gastar quase nada, faz bem pro coração ter alguém por perto para entender suas necessidades!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai nem fala, marido é um presente mesmo! =) Muito bom poder contar com alguém ao nosso lado em todas as horas.
      Beijinho

      Excluir

E aí?